O Blog ainda é uma estratégia de negócios pouco conhecida e explorada por parte dos empresários.

Muitas empresas perdem dinheiro e tempo em estratégias erradas simplesmente porque não conhecem a real transformação que um blog de negócios pode trazer nos seus resultados.

Isso acontece porque grande parte destes empresários pensam que a sua utilização é apenas para pessoas que gostam de falar sobre determinados assuntos ou expressar opiniões.

O fato é que nos dias atuais, um Blog representa muito mais do que expressar idéias.

Ao falarmos sobre como vender mais com um blog de negócios, você entenderá que o blog é uma ferramenta com um potencial extremamente forte de gerar vendas para qualquer empresa, independente do seu ramo de atuação.

Eu quero começar este artigo já quebrando este paradigma; não importa qual o seu tipo de empresa ou qual serviço você presta; você pode utilizar um blog de negócios para vender mais.

Um único artigo em um blog é capaz de vender um produto inúmeras vezes.

Imagine que a sua empresa pode aumentar suas vendas ou ter novos pedidos de orçamento todos os dias.  Isso é possível quando você tem um blog com um bom tráfego, bons conteúdos e boas ofertas.

Nesse artigo eu quero te ensinar a criar conteúdos que se transformem em vendas e faturamento.

Como chegar lá? Você irá entender a partir das próximas linhas.

O Poder do Conteúdo

o-poder-do-conteudo

Não tem como discutir, o conteúdo é o que move a internet. Por onde quer que você olhe, ela está recheada de informações, histórias, dicas, notícias e por ai vai.

O conteúdo é consumido 24 horas por dia, 7 dias por semana, 365 dias por ano. Em todo tempo, milhares e milhares de pessoas estão procurando informações sobre diversos assuntos.

Se você quer vender usando a internet, você precisa de conteúdo. Ele te ajuda a gerar mais visitantes, mais leads e mais vendas.

Você mesmo, deve dar um “Google” todos os dias quando precisa de alguma informação; seja por uma dúvida simples, procurando algum serviço/produto ou alguma outra informação do seu interesse.

Nos dias atuais a informação é valiosa; quem tem informações, tem conhecimento e o conhecimento é uma dádiva que abre portas e resolve problemas em qualquer área da vida.

A internet é um oásis de informações; tem tudo e para todos. Exatamente por isso que qualquer pessoa que precisa de algo, o procura na internet. Todas as informações necessárias, estão lá.

Isso quer dizer que neste exato momento em que você lê este artigo, existem pessoas com dúvidas e fazendo pesquisas na internet.

Muitas delas estão pesquisando informações que você como especialista, conhece melhor do que ninguém.

É ai que você entra, como empresário, conhecedor do seu negócio e especialista no seu mercado. Você tem todas as respostas para estas dúvidas.

A grande sacada está em você fornecer informações relevantes para estas pessoas, resolver os seus problemas e posteriormente, fazer a oferta do seu produto. Você entenderá melhor mais a frente.

Como descobrir o que as pessoas pesquisam

como-descobrir-o-que-as-pessoas-pesquisam

A internet nos proporciona uma gama enorme de informações quando falamos de busca e conteúdo. Entender o que as pessoas pesquisam e responder as suas perguntas, é o caminho do sucesso para uma boa estratégia de vendas.

Eu vou te mostrar agora algumas formas de descobrir o que as pessoas pesquisam sobre determinado tópico ou assunto. Minha dica é, pense agora especificamente no seu público e potencial comprador; quando ele acessa a internet para buscar informações que você já tem.

Responda as seguintes perguntas:

  • Quais são os seus medos?
  • Quais as suas principais objeções?
  • O que os deixa com raiva?
  • Qual o seu maior sonho?

Pra te ajudar a responder estas perguntas, vou exemplificar um público que tem interesse em aprender a falar inglês:

  • Quais são os seus medos?
    • Não conseguir dominar o idioma, não saber pronunciar as palavras corretamente, conversar de maneira errada, não entender o que os outros falam.
  • Quais as suas principais objeções?
    • Métodos que não funcionam, que demoram demais e com pouca conversação.
  • O que os deixa com raiva?
    • Perder uma oportunidade de trabalho, não conseguir de comunicar em uma viagem internacional.
  • Qual o seu maior sonho?
    • Falar inglês fluentemente e sem engasgos.

Quando você conhece o seu publico, você consegue identificar possíveis pesquisas no Google sobre determinado assunto.

Com base nas informações que colhemos, provavelmente este público tem perguntas como:

  • Como perder o medo de falar inglês?
  • Como falar inglês fluentemente?
  • Como aprender inglês rápido?
  • Como falar inglês na entrevista de emprego?
  • Como aprender inglês para viajar?

Com informações simples, você agora consegue encontrar inúmeras perguntas que o seu público faz na internet. Para isso, podemos utilizar algumas ferramentas:

Google Suggest

Sabe quando você começa a digitar algo na pesquisa do Google e ele vai completando as informações pra você? Pois é, aquele é o Google Suggest.

Com base nas pesquisas dos usuários, o Google sugere as consultas mais pesquisadas na rede. Isto te possibilita saber quais são os termos mais pesquisados pelo seu público. Por exemplo:

ingles

Veja que existem variações do termo de pesquisa “como aprender inglês“. Agora pense que cada conteúdo pesquisado poderá ser um artigo em seu blog onde você listará todas as informações necessárias para responder o seu público.

Você responde com um bom conteúdo e resolve um problema.

Planejador de Palavras Chave

Se você possui uma conta junto ao Google Adwords, você tem em mãos uma ferramenta excelente para analisar o tráfego das palavras chaves no Google.

O planejador de palavras chave pode te informar detalhadamente o tráfego mensal de pesquisas de um termo específico levando em consideração várias segmentações diferentes, como local, idiomas e dentre outros.

ingles4

Esta é uma ferramenta que permite saber quais termos são mais pesquisados e o seu tráfego mensal. Com base nestas informações, você pode criar artigos com estas palavras chave e gerar tráfego para o seu blog.

Keywordtool.io

Uma outra ferramente muito eficaz para analisar os termos mais buscados; o keywordtool.io é uma ferramenta paga mas a sua versão gratuita já fornece informações bem interessantes. Basta apenas inserir a palavra chave e configurar para o Google no Brasil.

Ainda no exemplo do inglês, ele sugere algumas outras consultas:

ingles2

 

Ubersuggest.io

Por último e não menos importante, temos a ubersuggest.io; uma ferramenta completa que mostra centenas de termos buscados com a palavra chave que você está analisando. Em nosso exemplo, temos os resultados literalmente de A a Z:

ingles3

 

Com estas dicas valiosas em mãos, você será capaz de identificar inúmeras dúvidas e objeções do seu público e com isso oferecer soluções concretas.

A criação de um calendário editorial atrelado a um bom conteúdo, aumentará significativamente a sua presença online na internet e com isso, você poderá gerar negócios todos os dias.

Como evitar perder tempo e dinheiro com conteúdos que não vendem

como-evitar-perder-tempo-e-dinheiro-com-conteudos-que-nao-vendem

Se você quer ter resultados com blog de negócios, você deve ter um claro propósito: Gerar um conteúdo rico e de extremo valor para o seu leitor. 

Você precisa usar a estrutura certa e pensar em cada parte do seu conteúdo como uma jornada perfeita, que leve o seu público a aprender algo que o leve a tomar uma ação.

Muito cuidado ao investir tempo e dinheiro na produção de conteúdo. Se você quer transformar conteúdos em faturamento, artigos em vendas você vai precisar de um processo validado.

A melhor maneira de evitar este prejuízo é respondendo a seguinte pergunta:

Porque nós buscamos por informações na internet?

Nós consumimos conteúdo para aprender algo que seja útil para solucionar problemas.

Ex: Como começar uma empresa do zero?

O que existe por trás dessa pesquisa? Alguém que quer montar um negócio e precisa de informações úteis e relevantes de como fazer isso da maneira correta.

Em outras palavras nós pesquisamos por conteúdos na internet que nos mostrem o caminho.

Um outro exemplo: Como aprender a tocar violão rápido?

Existe uma intenção clara nessa busca, um desejo.

Se uma escola de música responde essa pergunta do jeito certo, ela pode gerar vendas através desse conteúdo.

No entanto, você também pode responder uma pergunta dando dicas ou ensinando o caminho. Aqui entra o método para transformar conteúdo em faturamento.

Passo 01: Selecione o problema que o seu conteúdo irá ajudar a resolver.

problemas-ajudar-a-resolver

Um blog de negócios terá sucesso se o seu principal objetivo for resolver problemas e entregar soluções.

Imagine que neste exemplo que dei sobre “violão“, você leia um artigo com os 10 passos fundamentais para “aprender a tocar violão rápido.”

Dica 01, faça isso, Dica 02, isso e etc e etc…

Esse é o tipo de conteúdo comum que entrega informações úteis mas NÃO resolve o problema.

Um conteúdo que resolve um problema precisa seguir a seguinte estrutura:

  • Promessa
  • Problema
  • Causa
  • Solução

Vou dar o exemplo de como seria o artigo no caso do Violão.

Promessa: Como aprender a tocar violão rápido.

Aqui é o começo do artigo, explicando que é possível aprender a tocar violão com agilidade e que nesse artigo ou vídeo a pessoa irá aprender a maneira mais inteligente para conseguir esse resultado.

Problema: Geralmente a segunda parte do artigo/vídeo; é nessa parte que você irá explicar a situação atual da pessoa, isto é, o problema central.

Ex: Muitas pessoas querem aprender a tocar violão mas se sentem incapazes com métodos difíceis e que demandam muito tempo para conseguir dominar o instrumento.

Infelizmente, a grande parte destas pessoas tem dedicado horas e horas estudando de maneira completamente desorganizada e estão frustradas com os seus resultados. 

Na realidade, elas não estão tendo nenhum resultado. 

O problema central a ser resolvido por este artigo é: “Não quero demorar muito tempo para tocar violão, o que eu posso fazer?

A maioria dos artigos se concentram em entregar “dicas” mas não se concentram em apontar a raiz do problema, apontar uma causa e mostrar uma solução completa.

É exatamente isso que você precisa aprender. Não se esqueça disso.

Vamos continuar com a estrutura do conteúdo.

Depois de fazer uma promessa para o leitor e explicar a sua situação atual, chegou o momento de entregar o grande valor do seu conteúdo que é a CAUSA do problema.

Pense sobre isso.

Imagine você estar sofrendo de uma dor de cabeça, vai ao médico e não consegue descobrir o motivo.

O médico passa um remédio a dor passa por alguns dias mas depois ela volta.

Você não ficará tranquilo até entender exatamente a CAUSA da dor de cabeça. Concorda?

Vou te explicar isso melhor.

Passo 02: Mostre a causa do problema para o seu leitor

causa-do-problema

A primeira parte do seu texto irá apresentar a promessa e o problema. Você não precisa prolongar muito nessa parte.

Apenas mostre de maneira clara e objetiva que tipo de problema você pretende ajudar o leitor a resolver.

A terceira parte do conteúdo é algo que você pode demorar um pouco mais. Esse é o momento de apresentar a CAUSA do problema.

Vou continuar com o exemplo do violão.

Nesse momento do artigo você precisa mostrar para o leitor o real motivo pelo qual as pessoas tem dificuldades e demoram muito para aprender a tocar violão.

A apresentação da causa precisa estar diretamente ligada a oferta do seu produto. Nunca esqueça disso.

O seu conteúdo está falando de um problema que o seu produto irá resolver, portanto, a causa do problema precisa ser completamente solucionada pelo seu produto.

Sabe por que as pessoas tem tantas dificuldades em aprender a tocar violão rápido?

Simples. Elas ficam tentando aprender sozinhas, da maneira errada.

Vou te explicar. 

Quando você está aprendendo a tocar violão, muitas vezes você procura começar sozinho, decorando as notas e tentando criar os ritmos corretos para as suas canções; porém você não teve um método correto para iniciar; tem dificuldades com os posicionamentos dos dedos, tempo de música, passada das notas ente outros. Você precisa seguir um método para iniciantes e que te levará até o nível avançado, o que te tornará um verdadeiro músico.

Pense que você saberá exatamente o que fazer e como fazer. Desta forma, o seu aprendizado será muito mais rápido e eficiente.

Percebe a diferença de um texto com estrutura?

Existe uma diferença entre conteúdos que dão dicas e conteúdos que mostram uma solução completa.

Passo 03: Apresente a Solução

apresente-a-solucao

A solução irá representar boa parte do seu conteúdo. É nessa fase que você irá ensinar o seu público a seguir um caminho específico.

Os melhores formatos de conteúdos são aqueles que permitem que o leitor faça uma descoberta e tenha um próximo passo a seguir.

No exemplo do Violão, qual foi a descoberta?

Eu não consigo aprender a tocar violão rápido porquê estou tentando aprender sozinho e de forma errada”.

Só essa descoberta já faz o conteúdo ser extremamente valioso, concorda?

Mas a solução é mostrar na prática como o leitor pode seguir a sua orientação após a descoberta.

É nessa fase que você deverá apresentar os passos e pilares para o seu público seguir.

Continuando o exemplo do violão:

“Ex: Agora eu vou te mostrar como você pode aprender a tocar violão de forma rápida e eficiente…

 Eu quero que você anote todas estas etapas pois elas são essenciais para você começar a tocar violão com agilidade.

Passo número 01
Passo número 02
Passo número 03″

Esse é o momento de explicar o que a pessoa precisa fazer para alcançar o resultado.

É extremamente importante que a solução tenha relação direta com o seu produto ou serviço.

Se você criar conteúdos com essa estrutura, suas chances de transformar artigos ou vídeos em faturamento aumentam consideravelmente.

Como transformar conteúdo em vendas com a sua oferta

conteudos-em-vendas

Com esse conhecimento sobre produção de conteúdo para geração de vendas, qualquer empresa pode transformar visitantes em potenciais compradores.

Não escreva artigos que geram likes, compartilhamentos mas não geram lucro para a sua empresa.

Não gaste horas produzido conteúdos com listas, tutoriais e inúmeras informações que no final das contas não ajudam o cliente a tomar uma decisão.

Repare como esse artigo que você está lendo foi escrito.

Se você analisar o texto que você está lendo, ele está seguindo rigorosamente essa estrutura.

Parte 01: Comecei o texto fazendo uma promessa (Como vender mais com blog de negócios.)

Parte 02: Falei de um problema (Tem muita gente perdendo tempo e dinheiro com estratégias que não funcionam simplesmente porque não conhecem o poder do blog e do conteúdo na internet.)

Parte 03: Falei da Causa (Muito empresários pensam que o blog é feito para pessoas que querem compartilhar opiniões, falar de assuntos específicos e etc, mas não imaginam que ele pode ser usado como uma estratégia de vendas para qualquer negócio.)

Parte 04: Apresentei a solução (O poder do conteúdo, como descobrir o que as pessoas pesquisam e os 3 passos que eu acabei de te ensinar)

Parte 05: Virada para a oferta.

Após entregar o conteúdo é o momento de fazer uma chamada de ação mais direta, algo que tenha relação com o que você acabou de ensinar.

Ainda no exemplo do violão, a nossa chamada para ação poderia ser assim:

“Agora que você já sabe como aprender violão rápido e de maneira eficiente, o que acha de conhecer a nossa escola de música e começar a tocar com perfeição as suas canções preferidas?”

Você identificou um problema, deu uma solução completa e agora faz a oferta.

Perceba que existe uma chance muito maior deste visitante fazer um curso de violão com esta escola do que ficar quebrando cabeça e perdendo tempo tentando aprender sozinho?

A estratégia do blog de negócios é uma arma extremamente forte e eficaz para atrair novos clientes para a sua empresa.

Conclusão

01 – O conteúdo só gera vendas se você fizer do jeito certo e na estrutura correta

02 – Muitas pessoas estão perdendo tempo e dinheiro com conteúdos feitos da maneira errada

03 – Você precisa criar uma linha editorial baseada em problemas específicos

04 – Todos os seus conteúdos precisam gerar descobertas no seu público

05 – Todos os seus conteúdos precisam apresentar um manual para solucionar o problema que tenha relação direto com o seu produto/serviço

06 – Após a apresentação da solução, você deve fazer a chamada para ação com a sua melhor oferta

Espero sinceramente que este conteúdo te ajude a gerar novos negócios para a sua empresa.

Se você gostou, deixe o seu comentário logo abaixo.

Se você quer que eu te ajude pessoalmente a trabalhar com um blog de negócios e melhorar os seus resultados, preencha agora a sua aplicação para a nossa consultoria.